Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Hipster Chique

@bichodagalaxia . humor . nerd . fluente em klingon . criativa - ish . opinião

A Hipster Chique

@bichodagalaxia . humor . nerd . fluente em klingon . criativa - ish . opinião

Hipster Nerd - Ep. 4 . Os livros de Fevereiro

Fevereiro 27, 2019

E que mês!

Nesta semana, na rubrica "Hipster Nerd", trago os livros que li em Fevereiro, que foi um mês de detox tecnológico e onde alcancei um novo recorde de leitura.

Apresento-os aqui com uma pequena review, sem spoilers, que também podem encontrar no Instagram do meu novo projecto, Bicho da Galáxia.

DCD5B0AF-F3DA-47A3-8D12-556E8D82F7BC.JPG

 

No mês de Fevereiro li dez livros e valeu muito a pena todas as séries que deixei para trás!

 

IMG_0996.jpg

  • Dois Guardam Um Segredo . Karen M. McManus ⭐️⭐️⭐️⭐️ (4/5)

Um dos livros do mês de Fevereiro do book gang que faço parte.
Miss McManus a fazer outra vez das suas! Dois Guardam Um Segredo é mais um mistério desta escritora que me prendeu logo nas primeiras páginas.
As boas vindas a Echo Ridge são dadas aos gémeos Ellery e Ezra que chegam para viver com a avó materna enquanto a sua mãe está na reabilitação. A pequena cidade onde a sua mãe cresceu já viu muito mistério e crime, um deles o desaparecimento da tia (irmã gêmea da mãe) na noite do baile de finalistas onde a mãe foi coroada rainha do baile e o assassinato de Lacey Kilduff, rainha do baile de finalistas de há cinco anos atrás. Ambos os mistérios estão por resolver e criam curiosidade nos habitantes de Echo Ridge e em Ellery que coloca as suas habilidades de detective em acção para os resolver.
McManus levou-me a suspeitar de todas as personagens, a criar diversas teorias da conspiração e o culpado foi uma surpresa.
A diversidade presente no enredo é algo de positivo a notar. Pensei que este seria a continuação de “Um de Nós Mente”, que para mim foi melhor que este, mas teremos de continuar à espera.

 

--------------------

IMG_0997.jpg

  • Pequenos Fogos Em Todo o Lado . Celeste Ng ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️ (5/5)

Este é o segundo livro do mês de Fevereiro do book gang que faço parte.
É-me didicil escrever uma crítica e descrever este livro que não seria algo que normalmente escolheria para ler, logo não me prendeu de início mas após alguns capítulos fiquei contente por ter insistido. Se não vos causar um reboliço interno mental, bem, de certeza que não o leram como eu!
A personagem que mais gostei de conhecer foi Mia, uma fotógrafa, mãe de uma filha adolescente, Pearl, que chegam a Shaker Heights e vão viver para uma casa arrendada pela família Richardson.
Elena Richardson e os seus filhos, Izzy, Trip, Moody e Lexie aproximam-se de Mia e da sua filha e com isso discussões são levantadas, julgamentos são feitos e começa uma procura sobre quem está certo e quem está errado, porém nem tudo é assim tão linear.
Um drama familiar que toca em assuntos como o preconceito racial, sexualidade, maternidade, tudo de uma forma que nunca antes vi exposta em livro.
Sinto que estive numa relação bastante séria com este enredo e que perante as questões que me foram levantadas durante a leitura eu pensei que tinha as respostas mais acertadas, o que nem sempre era o caso. Cheguei a dar por mim a gritar de frustração!
Aconselho vivamente e acho que seria um livro muito interessante de ser discutido em grupo para ver os diferentes pontos de vista que são retirados após a leitura.

 

--------------------

IMG_0998.jpg

  • VOX . Christina Dalcher ⭐️⭐️⭐️⭐️ (4/5)

A palavra, a liberdade de expressão, imaginem limites obrigatórios para o quanto podem falar por dia.
Neste livro, Dalcher, apresenta-nos um mundo onde as mulheres só podem dizer 100 palavras por dia. Para controlar o que verbalizam, usam um contador no pulso e o preço a pagar por mais palavras ou por tentativas alternativas de comunicação não verbal é demasiado alto e penoso.
Não há como escapar deste regime imposto nos Estado Unidos da América e a Dra. Jean McClellan, uma linguista cognitiva é a protagonista e heroína imprevisível da história. A passividade do marido e filhos de Jean deram-me cabo dos nervos!
De notar a excelente caracterização, enredo rico e um final que para mim foi uma surpresa.
Foi uma leitura rápida mas muito satisfatória.
As mulheres falam cerca de 20.000 palavras por dia, por isso imaginar um mundo em que podemos falar apenas 100 é completamente assustador.

 

--------------------

IMG_0999.jpg

  • Até ao Fim do Mundo . Maria Semple ⭐️⭐️⭐️ (3.5/5)

Que divertido que foi! Um livro estranho, leve, engraçado e que me fez muito bem.
Esta sátira escrita por Semple conta a história de uma família disfuncional e extravagante que tem como protagonista, Bernadette.
Bernadette é-nos apresentada como uma mãe, arquitecta, criativa, casada com Elgie, um engenheiro de sucesso. Ambos são pais de Bee, uma adolescente inteligente e espevitada.
Um dia tudo muda, Elgie fica viciado no trabalho, Bernadette já não é a mesma e de um dia para o outro desaparece sem deixar rasto. Bee, a sua filha, torna-se então a narradora de uma aventura em busca da sua mãe.
As doidas, porém fortes, relações familiares, a inteligência das personagens, a escrita humorística e uma viagem à Antártida fizeram desta leitura algo saboroso.
P.S. A troca de e-mails de Bernadette com a sua assistente virtual indiana são qualquer coisa!

 

--------------------

IMG_1001.jpg

  • As Estrelas, o Caos e Eu . Jenny McLachlan ⭐️⭐️⭐️ (3/5)

Um romance cheeky, cheio de clichês e adorável. Identifiquei-me do princípio ao fim e mesmo não sendo um livro complexo ou cheio de twists, lê-lo trouxe ao cima uma versão minha mais jovem, sonhadora e que vivia com a cabeça nas nuvens.
Meg é uma adolescente, nerd, inteligente, tímida e com muitos sonhos astronómicos que quer alcançar. A sua mãe é uma mulher que vive no momento e um dia decide partir numa viagem de forma inexplicável e deixa a sua outra filha bebé aos cuidados de Meg.
Ambas ficam com o seu avô, um homem divertido, estranho, que tem galinhas, um hamster que providencia electricidade para a casa e por vezes o seu ar despreocupado leva Meg a tomar uma posição de maior responsabilidade perante a irmã.
Com a possibilidade de ganhar uma viagem para visitar a sede da NASA, uma paixão que começa a crescer de forma adorável, a descoberta de uma relação que nunca pensou ter com a irmã e com todos os problemas que uma adolescência movida a hormonas pode trazer, Meg vive uma aventura para a vida.
Uma leitura tão querida, tão diferente e que mostra, à sua maneira, o poder que o sexo feminino tem e que as mulheres e a ciência tem uma relação cada vez mais próxima. Já para não falar dos pequenos detalhes de astronomia que são um mimo.
Girl power!

 

---------------------

IMG_1002.jpg

  • Fahrenheit 451 . Ray Bradbury ⭐️⭐️⭐️⭐️ (4.5/5)

Este sempre foi um livro que esteve no topo da minha wishlist mas que de certa forma acabava sempre ultrapassado por outros. Encontrei-o e decidi ler este clássico que nos traz uma distopia assustadora.
Bradbury conta a história de um mundo onde não há espaço para a sabedoria e onde a ignorância é uma ferramenta de controlo que o governo usa sobre os cidadãos e para isso efectuam-se queimas de livros à temperatura de 451ºF, temperatura a que o papel dos livros atinge o ponto de ignição e é consumido pelo fogo.
Qualquer livro é ilegal, possuí-los é considerado crime e um grupo de bombeiros está responsável pela tarefa de caçar leitores e pessoas que possuam livros para traze-los à justiça e queimar os livros dos mesmos, onde há quem prefira queimar com os seus livros do que viver na ignorância.
Este grupo de bombeiros segue cegamente as ordens que lhe são dadas e a história foca-se no bombeiro Guy Montag que vive numa apatia completa e que segue as suas rotinas sem nunca questionar nada, isto até ao dia em que conhece Clarisse, uma jovem culta, enérgica e que esconde uma coleção de livros que roubou no trabalho, em sua casa.
A partir deste momento a vida de Guy muda e é-lhe apresentado por Clarisse um passado onde onde as pessoas liam livros livremente e viviam com o poder do conhecimento sem restrições.
Montag começa a ver as coisas com outros olhos e decide lutar por um futuro diferente.
Nem quero pensar o que seria a minha vida sem acesso a livros, a informação e conhecimento.
Um livro extraordinário que aconselho a todos!

 

--------------------

IMG_1003.jpg

  • O Sol Também é Uma Estrela . Nicola Yoon ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️ (5/5)

Conexão humana. Será que estamos destinados a encontrar alguém que nos pode mudar a vida?
As conexões que vamos fazendo no decorrer da nossa existência tem sempre impacto, seja a passagem dessa pessoa positiva ou negativa.
Nesta pequena história de 24h conhecemos Natasha, uma rapariga das ciências, pronta para provar o seu valor e que se vê obrigada a abandonar o país onde cresceu para voltar para a Jamaica e Daniel, um filho de sul-coreanos que esperam que o sei filho se torne médico como os seus irmãos, mas Daniel tem outros objectivos, ele quer tornar-se um poeta.
Natasha está em sofrimento, ela tem valor e não quer deixar o país que para ela sempre foi a sua casa e Daniel só quer ser livre e seguir a sua paixão. Ambos encontram-se e o destino faz das suas.
O livro toca, de forma muito directa e honesta, em assuntos como o racismo, estigmas sociais, parentalidade, destino, as diferenças entre as emoções e a ciência e sobre o amor. O que é preciso para o amor acontecer? Será o destino causa suficiente? Tudo questões debatidas nesta obra de Nicola Yoon.
Este não é um simples livro onde duas pessoas se apaixonam, é um livro onde duas pessoas discutem a possibilidade de uma paixão real, de um amor que talvez não tenha estado destinado a ser entregue à primeira vista.
Agora é esperar pelo filme e dar o conselho de lerem antes de verem porque vai aprofundar a experiência. Um young adult que merece a nota máxima!

 

--------------------

IMG_1004.jpg

  • O Ódio Que Semeias . Angie Thomas ⭐️⭐️⭐️⭐️ (4.5/5)

Não podes vencer o racismo com racismo.
Starr, uma jovem de 16 anos testemunha o assassinato do seu melhor amigo Khalil pelas mãos de um polícia. Khalil não estava a fazer nada de errado e nas notícias fazem parecer que tudo foi um acto normal da polícia.
Ninguém parece interessado em investigar o que se passou e Starr está com medo de testemunhar o que realmente aconteceu.
A nossa protagonista está dividida entre dois universos completamente diferentes, vive em Garden Heights com a sua família numa comunidade maioritariamente negra e anda na Williamson Prep, uma escola frequentada principalmente por brancos.
Este livro está escrito de uma forma tão crua e honesta tornando esta leitura algo muito verdadeira e emocional e Angie Thomas inspirou-se no movimento “Black Lives Matter” e demonstra bem que ainda há muito para ser feito para que certas questões raciais e até de classe sejam devidamente discutidas e tratadas.
Foi escrito com coração, alma e vendo todos os dias nas notícias situações reais deste género a acontecer diria mesmo que este livro é muito importante.
Independentemente do género de livros que gostam, aconselho a darem uma oportunidade e a debater o assunto.

 

-------------------

IMG_1005.jpg

  • A Ilusão de Merit . Colleen Hoover ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️ (5/5)

Hoover roubou-me o coração, Hoover arrebatou-me com um livro que não durou mais de dois dias e que foi lido como se não pudesse perder mais tempo para descobrir esta aventura de Merit. Foi o meu primeiro livro da autora e não será o último.
O começo levou-me ao vício e percebi que não se tratava de um simples romance com clichês amorosos, não, isto ia ser algo muito mais complexo.
Merit, vive numa pequena cidade com a sua família (mais do que) disfuncional e confesso que cada detalhe me soava a manicómio (DELICIOSO!). Ela sabe os segredos que cada membro da família Voss esconde e carregar esse fardo de guardiã de segredos e mentiras é pesado demais para Merit.
Esta é daquelas reviews que não posso dizer muito mais porque a surpresa a cada página, os momentos cómicos e caricatos e todas as mensagens poderosas sobre o amor, a família, a saúde mental fazem valer a pena.
Isto é também uma história de auto-descoberta, da necessidade de encontrarmos o nosso lugar no mundo.
P.S. Há ali um limite entre o “normal” e a necrofilia que deu cabo de mim.

 

--------------------

IMG_1006.jpg

  • O Tatuador de Auschwitz . Heather Morris ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️ (5/5)

O coração doeu um pouco a ler esta história baseada em factos reais onde a autora fez um trabalho soberbo a transportar as memórias de Lale Sokolov para este livro.
Esta é uma história que precisava ser partilhada com o mundo, que todos deviam ler, onde a esperança, o amor e a amizade tinham tanta força como a opressão e a crueldade que se passava dentro dos muros de Auschwitz.
Lale tinha o trabalho de tatuar os números dos prisioneiros que entravam nos campos e foi lá que conheceu Gita. A partir daí a sua vida ganhou novos objectivos, sobreviver e lutar pela liberdade. Correu riscos que lhe podiam ter custado a vida mas a sua coragem ajudou muitos dos prisioneiros e acabou mesmo por sobreviver ao inferno.
Morris passou anos a ouvir as histórias de Lale, que está agora com a sua Gita e as suas memórias ficarão para sempre imortalizadas nesta obra fenomenal.

 

---------------------

E estes foram os lidos de Fevereiro, sem contar com as mais de 20 comics que se juntaram à festa. Foi um bom mês e o favorito foi "A Ilusão de Merit" de Colleen Hoover que foi uma surpresa do mês, não contava ler e valeu tanto a pena, li em 5h. 

E vocês? Que andaram a ler em Janeiro ou o que estão a ler agora?

 

A Hipster Chique

Hipster Nerd - Ep. 3 . Potterhead

Fevereiro 13, 2019

I solemnly swear I am up to no good...

 

No último sábado fui ver o cine-concerto do "Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban", o terceiro filme do franchise e realmente a magia aconteceu naquela sala.

O meu olhar seguia mais a orquestra, que este ano se fazia acompanhar de um coro, do que o filme mas saboreei cada momento. Aplaudiram-se as casas (Gryffindor, Slytherin, Hufflepuff e Ravenclaw) e claro que já todos sabemos qual é a minha, e se estão com dúvidas eu faço questão de as retirar... Prova Única:

6678B95E-F5CD-4459-992C-B14AD2F157E5.JPG

 

A música ficou a cargo da Orquestra Filarmonia das Beiras, que mais uma vez fez um trabalho magnífico e trouxe mais emoções a um filme que já por si está cheio delas.

Os fãs aplaudiram cada entrada da sua personagem favorita, falas foram ditas em voz alta, "Turn to page 394" e no fim varinhas foram levantadas em homenagem aos Potterheads e aqueles que fizeram de nós fãs fieis, que já não estão entre nós.

 

... Mischief Managed.

 

A Hipster Chique 

Hipster Nerd - Ep. 2 . Os livros de Janeiro

Fevereiro 07, 2019

Esta é a rubrica semanal que comecei a semana passada, foi sugerida pela Sofia como "O Diário de Uma Nerd" e eu alterei para "Hipster Nerd".

Esta semana trago-vos a minha lista de livros lidos em Janeiro e uma pequena review, livre de spoilers, que também podem encontrar no Instagram do meu novo projecto, Bicho da Galáxia.

IMG_0573.jpg

 

No mês de Janeiro li seis livros e que viagens fantásticas!

 

IMG_0572.jpg

  • The NIX . Nathan Hill  ⭐️⭐️⭐️⭐️ (4/5)

“Something does not have to happen for it to feel real”
Samuel Andresen-Anderson é uma personagem pela qual me apaixonei de forma imediata e as páginas voaram.
Sam é um viciado em vídeo-jogos, professor de literatura numa faculdade medíocre de Chicago e um autor falhado e a sua mãe, Faye, é uma professora assistente que toma uma acção agressiva física e verbal contra um político de direita e acaba exposta na internet sendo rotulada de prostituta e terrorista. Faye abandonou Sam quando ele era ainda pequeno e o reencontro dos dois é complexo e leva ambos numa descoberta da vida.
Ao longo do livro é-nos introduzido várias personagens e perspectivas que nos levam a compreender as acções das personagens. Somos levados aos anos 60 dos EUA e Chicago onde Sam descobre um pouco mais da história da sua mãe e acaba redescobrindo a sua.
Romance, humor cínico, segredos misturam-se com capítulos curtos e irresistíveis para o leitor.

--------------------

IMG_0571.jpg

  • Fortaleza Impossível . Jason Rekulak ⭐️⭐️⭐️⭐️ (4/5)

“É uma dessas ideias que não soa estúpida até alguém a dizer em voz alta”
“A Fortaleza Impossível” é uma viagem pelos anos 80 e só por aí chamou a minha atenção.
É a história de três amigos, Billy, Clark e Alf, de 13 anos, tímidos que não se identificam com a maioria dos jovens e que são obcecados pelo universo feminino, tudo o que tenha algum contexto sexual é como ouro para eles.
Essa obsessão ganha novos contornos quando a Playboy apresenta uma capa com a mulher dos seus sonhos, a Vanna White e aqui começa uma aventura com planos mirabolantes para conseguirem colocar a mão naquela que para eles é a sétima maravilha.
Um romance, planos ilegais, programação de jogos e muitas referências que homenageiam os anos 80, fazem com que seja impossível não o devorar de uma leitura só. Para além de ser o título do livro, “A Fortaleza Impossível” é também um jogo que o leitor pode jogar no computador.

 

--------------------

IMG_0569.jpg

  • Por Um Fio . Rainbow Rowell ⭐️⭐️⭐️ (3.5/5)

De uma leitura leve, “Por Um Fio” tem a certa quantidade de humor e emoções com um plot um pouco diferente dos romances típicos.
Rainbow Rowell, autora de êxitos como Fangirl e Eleanor & Park, também escreveu algumas comics dos Runaways para a Marvel e tem uma escrita bastante diversificada.
Neste livro de ritmo rápido sobre relações e a importância do compromisso ficamos a conhecer a história de Georgie e Neal que se vêem confrontados com uma decisão que pode influenciar a sua vida. A luta entre carreira e família com a questão “Porque não ter ambos?” a pairar sobre Georgie e as memórias do que era ter um telefone de corda enrolada e aquelas chamadas longas com aquela pessoa especial, tornam este livro um bom aperitivo de uma tarde chuvosa.

 

--------------------

IMG_0570.jpg

  • A Grande Solidão - Kristin Hannah ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️ (5/5)

O livro de Janeiro do #hmbookgang (um clube literário que faço parte, aconselho a visitarem e a seguir @hmbookgang) e um dos melhores livros que já li, entrando no meu top de favoritos.
Kristin Hannah, a autora, mudou-se para o Alaska nos anos 70 depois do seu pai decidir que queria ir viver para o sítio mais bonito do mundo e daí começou a inspiração para esta história extraordinária de superação e coragem. “A Grande Solidão” conta-nos a história de Leni, uma personagem com o qual me identifiquei logo à partida, e dos seus pais Cora e Ernt.
Numa tentativa de melhorar a sua vida e a vida da sua família, Ernt, um homem que vive com os seus fantasmas da guerra e que demonstra uma personalidade violenta, decide mudar-se com a filha e a mulher para o Alasca, Kenai e toda a descrição do local, da cidade e das suas paisagens, dão-nos vontade de querer saber mais sobre a região. Dei por mim a passar uma tarde inteira no Google a pesquisar sobre Kenai e o Alasca.
Uma relação conflituosa e estranha entre os pais de Leni, o amor representado em diversas formas e uma grande dose de coragem fazem deste livro uma obra magnífica que leva o leitor numa viagem de muitas lágrimas e emoções.

 

--------------------

IMG_0568.jpg

  • Um de Nós Mente . Karen M. McManus ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️ (5/5)

Quem não está a mentir afinal?
Ora aqui temos um mistério que me viciou do princípio ao fim. Cinco personagens, cinco personalidades diferentes, uma morte e temos o princípio desta história que para mim me fez lembrar um mix de Pretty Little Liars/Riverdale/13 Reasons Why.
Tinha as expectativas bem altas, excelentes recomendações e o hype é verdadeiro! Percebi que era um livro onde os detalhes iriam importar e tentei não ler tão rápido como costumo ler, o que me permitiu aproveitar o crescimento das personagens, a apresentação das suas personalidades e vidas e os twists da história.
Apaixonei-me pelo rebelde Nate (Shocking, eu sei!! 😂), adorei perceber as suas motivações bem como, mesmo sendo um clichê, a sua relação com Brownyn, a nerd.
Um livro que toca em assuntos como o suicídio e a homofobia e que nos faz pensar que por vezes não conhecemos de todo as pessoas com quem lidamos no dia-a-dia ou as suas razões para serem como são.

 

__________________

IMG_0567.jpg

  • Quando a Luz se Apaga . Nick Clark Windo ⭐️⭐️⭐️ (3.5/5)

Um livro que me colocou ainda mais preocupada com o futuro desta humanidade cada vez mais viciada em tecnologia e incapaz de funcionar sem internet.
Esta história apresenta-nos o Feed, uma rede social que está implementada no cérebro da população, onde podem aceder sem qualquer limite a memórias, pensamentos em tempo real e qualquer informação que necessitem. Já não existem livros, nem qualquer informação fora do Feed e no meio dos viciados só um grupo de resistentes é que tenta fugir ao seu controlo usando engenharia reversa.
O casal principal da trama, Tom e Kate, tem uma ligação bem directa com o Feed. O pai e irmão de Tom são os criadores da rede e ele é contra essa criação, já Kate é uma personalidade famosa no Feed sendo seguida por milhões e adora a sua vida de “youtuber”. Um dia o Feed sofre um ataque de um grupo de hackers, é colocado offline e a humanidade já não sabe como viver o seu quotidiano sem o Feed na sua cabeça, sendo alguns dos cidadãos afectados com uma doença misteriosa.
Todos terão que reaprender a fazer as mais simples tarefas e até o próprio vocabulário.
Com uma temática assustadora, não foi um livro que me tenha prendido logo de início mas que ao fim de alguma insistência me envolveu neste que pode estar perto de ser um possível futuro para a nossa sociedade.

 

____________________

E estes foram os lidos de Janeiro, sem contar com as mais de 15 comics que se juntaram à festa. Foi um bom mês e o favorito foi "A Grande Solidão" de Kristin Hannah que deu cabo do meu emocional todo, foi sem dúvida um livro que entrou no meu top de favoritos de todos os tempos.

 

E vocês? Que andaram a ler em Janeiro ou o que estão a ler agora?

 

A Hipster Chique

 

 

 

Hipster Nerd - Ep. 1 . O que é ser nerd?

Janeiro 22, 2019

Sofia lançou a ideia/desafio de eu escrever uma rubrica chamada "Diário de Uma Nerd" e eu achei uma excelente ideia, mudei-lhe apenas o nome e ficou "Hipster Nerd". Até pretendo tornar isto um post semanal. Vamos começar pelo significado!

Tenho gostos que fazem de mim uma nerd. Mas afinal o que é ser nerd?

Fui à procura do seu significado e foi isto que encontrei.

 

“Nerd significa uma pessoa muito dedicada aos estudos, que exerce atividades intelectuais muitas vezes inadequadas para sua idade.”

Claro, sempre muito dedicada aos estudos... ou não. Eu era aquele tipo de aluna que irritava muita gente porque não precisava de estudar para tirar boas notas, bastava-me estar atenta nas aulas e conseguia tirar notas altas e adquirir a matéria com muita facilidade.

 

 

“...o nerd esquece de atividades sociais prazerosas, como, participar com amigos de uma partida de futebol, se reunir com um grupo “para jogar conversa fora...”

Nunca recusei jogar à bola, agora recuso porque por norma não me convidam para jogar à bola e só me convidam para coisas que a meu ver são tudo menos prazerosas e “jogar conversa fora” com o grupo parece-me uma perda de tempo.

 

 

“O dito, nerd, é muitas vezes um solitário que se dedica a um hobby antissocial, podendo ter dificuldades em se integrar com um grupo, porque geralmente é também bastante tímido.”

Isto está a ficar demasiado negativo mas pronto, eu acho que alguns dos hobbies de um nerd são antissociais porque ninguém quer ler um livro em conjunto, sim porque eu conheço um casal FOFINHO, que lê em conjunto como quem vê uma série e aqui gostava de lhes referir a importância do preservativo para que não se reproduzam.

Não sou nada tímida e ser nerd fez-me ser mais social e procurar pessoas com gostos parecidos, ao mesmo tempo que me dou com pessoas que não partilham desses interesses e mesmo assim tenho uma fácil integração.

 

 

“... a palavra nerd é usada como gíria para descrever uma pessoa irritante, impopular ou fisicamente pouco atraente.”

Pronto, agora isto já é cyberbullying! Irritante não me acho, impopular não é algo que me preocupa se sou ou não e fisicamente pouco atraente não me parece de todo, sexy é o meu nome do meio e tenho provas visuais:

vaca_sexy.jpg

 

Agora o que eu considero que me faz uma nerd é a paixão que demonstro por certos assuntos relacionados com a cultura pop como filmes, séries, comics, livros, coleccionáveis e videojogos. Sou uma entusiasta destes assuntos e, ao contrário do que a maioria das definições diz, não me acho mais inteligente que os outros ou alguém antissocial. Sou bastante animada e social, adoro humor e conhecer pessoas novas independentemente dos seus gostos.

 

A Hipster Chique

ZONE KOMICS, ESTÁ NA HORA DE ESTAR NA ZONA

Setembro 28, 2018

E vamos voltar ao que interessa, porque depois de uma pausa aqui no blog nada melhor do que voltar em grande! 

(Este post foi feito com o apoio da Zone Komics)

 

 

ZONE KOMICS

 

Quero falar-vos da Zone Komics, uma produtora/editora de banda desenhada portuguesa constituída por grupo de jovens que têm muito para contar e mostrar.

 

Foi criada em 2014 por Diogo Mané que queria criar um Universo de fantasia com base no conceito "No Place For Heroes" onde o "bem" e o "mal" são postos à prova com personagens complexas e histórias com momentos de tensão e mudança.

Assim surge "Estar na Zona"/"Being in the Zone", um estado mental de foco e concentração que nos faz sentir donos do nosso próprio mundo, onde não há limites na nossa imaginação. Quando nos encontramos "in the zone" somos capazes de tudo e vulnerabilidade não consta do nosso vocabulário.

Este Universo foi criado com o propósito de ser uma zona para o leitor para que em cada título consiga transportar-se para fora do mundo real tendo a oportunidade de viver numa realidade alternativa.

 

Não podendo continuar este projecto sozinho, Diogo Mané juntou então uma cruzada de jovens ambiciosos, os "Zoners", que com as suas habilidades e capacidades fazem deste um projecto rico e diversificado. 

São um grupo de quinze pessoas, inkers, designers, coloristas, estrategistas de marketing, ilustradores, escritores, gestores de redes sociais, críticos e comunicadores, todos juntos para fazer da Zone Komics uma entidade de excelência capaz de levar o seu talento ao resto do Mundo.

equipa.jpg

 

 

Tive o prazer de poder ler os três primeiros títulos lançados pela Zone Komics e fiquei com vontade de ler mais. São eles, Full Blaze, Rogue Dragon e Warper.

 

 

 

FULL BLAZE #1

 

Full Blaze é uma das Guildas mais prestigiadas do reino de Azure com grandes guerreiros e mercenários que tentam a partir das mãos do Capitão Aaron Stryker e a sua jovem equipa recuperar a antiga glória.

A história passa-se no ano Z009 e somos imediatamente enviados para o centro de uma missão que inclui um prisioneiro misterioso que está a ser transportado para a guilda. São-nos introduzidas personagens de relevo para a história, como é o caso do Capitão Stryker e uma das minhas personagens favoritas, Sarah, uma guerreira sem medo de arriscar que se intitula de ceifeira.

Atacados por uma missão de resgate de um grupo aliado ao seu prisioneiro, os heróis de Full Blaze vêem-se obrigados a apostar tudo para salvar a sua vida e conseguir resistir aos ataques dos inimigos.

Com cores fantásticas, escrita simples e de leitura agradável é como classifico este título e anseio por mais. Talvez o único aspecto menos positivo tenha sido a falta de informação sobre o background das personagens mas penso que será algo muito facilmente remediável com os seguintes números. Fiquei com ânsia de ler mais.

Uma história de João Iria, Diogo Mané, Filipa Bento e Maria Ferreira. 

Podem adquirir Full Blaze aqui.

 

full blaze.jpg

---------- 

 

 

ROGUE DRAGON #1

 

Rogue Dragon traz-nos a história de Marayah, uma jovem com um chamamento forte pela aventura que não resistindo ao mesmo persegue uma vontade de procura de respostas não só sobre o mundo mas sobre si mesma.

Com um pai exigente e a sua mãe, Moyra, doente, Marayah vê-se obrigada a trabalhar na quinta durante o dia e num bar durante a noite, tudo isto enquanto tenta controlar os pesadelos vívidos que tem durante a noite e que assombram o seu dia-a-dia. A vida de Marayah não é fácil e ela sonha um dia poder sair mundo fora e controlar a sua própria vida sem obrigações.

A acção passa-se nos Campos agrícolas nos arredores de Orthyrst, no ano Z014.

Gostei do humor incluído na história, do carisma de Marayah e do traço nos desenhos.

Uma história de João Iria, Diogo Mané e Ricardo Robalo.

Podem adquirir Rogue Dragon aqui.

 

rogue dragon.png

 ----------

 

 

WARPER #1

 

Warper conta a história de Drake, um jovem mago, irresponsável e com um poder desconhecido e incontrolável que piora a sua integração num povo discriminatório com medo do desconhecido. Acompanhado pela sua fiel parceira Jahne, ambos deixam a sua marca por onde quer que passem e nem sempre uma positiva, procurando vingança daquele que apenas conhecem por o "Homem de olhos vermelhos".

Warper foi sem dúvida o meu favorito!

Podemos ver uma pequena interacção entre Drake e Jahne antes de sermos levados a bordo do barco Senhora Varganthia III onde a meu ver se passa a história mais emocionante deste primeiro volume. 

Alice de Azure, uma princesa que gosta de liberdade discute com o seu pai, Hellis, que se preocupa com o estilo de vida da sua filha procurando conselho junto do seu amigo General Paige. O transporte é atacado por entidades desconhecidas causando a morte de Hellis. Drake que observa a confusão tenta ajudar chegando tarde demais.

A acção passa-se no Mar Vermelho, ano Z016.

Uma história de Diogo Mané.

Podem adquirir Warper aqui.

 

warper.jpg

 

Podem ajudar este projecto a partir da campanha de crowdfunding e visita-los a partir:

 

 

 

Este sábado será o lançamento oficial da Zone Komics na Kingpin Books, pelas 16h. Mais informações, visitar a página do Facebook do evento AQUI!

 

A Hipster Chique

A MAGIA DA LEITURA, A MAGIA DO HARRY POTTER

Setembro 15, 2018

Eddie Redmayne lê a última parte do primeiro capítulo do livro Harry Potter e a Pedra Filosofal para comemorar os vinte anos do lançamento do fenómeno nos Estados Unidos da América.

Esta é a magia que me fez e faz querer escrever, que me fez acreditar na magia, que me fez acreditar em mim, que me fez uma pessoa melhor e que até nos dias de hoje me consegue emocionar, por isto mesmo e por muito mais queria partilhar este vídeo aqui no meu blog. Aproveitem!

 

Alohomora...

 

 

 

Finite Incantanteum...

 

 

A Hipster Chique, Gryffindor graduada de Hogwarts School of Magic.

 

COMIC CON SAN DIEGO 2018 - COMICS & DC UNIVERSE . PART. III

Agosto 01, 2018

!!  COMIC CON SAN DIEGO 2018 - SÉRIES . PART. I  !!

!! COMIC CON SAN DIEGO 2018 - FILMES . PART. II  !!

 

 

Como ocorreu no ano passado vou outra vez falar da Comic Con San Diego e das novidades mais quentes do mundo da cultura Pop. Vou dividir este assunto em três posts: séries, filmes e comic books. 

Esta é a terceira e última parte sobre o que se falou e foi apresentado na Comic Con San Diego e neste post, irei falar das novidades apresentadas sobre comics (Marvel, IDW e DC Comics) e falar um pouco do novo serviço de streaming da DC, DC Universe.

 

 

 

DC COMICS

Dc-comics-logo.jpg

 

 

  • Novo velho look para o Batman, "the trunks are back!!" já a partir do issue Batman #53

 

  • Nova equipa para Detective Comics, com Tomasi e Mahnke a partir do issue #994

 

  • Três histórias Joker:

- a tão esperada Batman/Joker: Deadly Duo de Marc Silvestri

- Batman: Three Jokers, uma over-sized mini-série de Geoff Johns e Jason Fabok

- The Batman Who Laughs, uma mini-série de seis issues de Scott Snyder, história que foi introduzida na Dark Nights: Metal

 

 

  • Nova equipa criativa para Aquaman com Kelly Sue DeCornick e Rocha, onde será explorada uma redefinição da origem de Arthur e a sua relação com a mãe

 

  • Shazam, uma série de Geoff Johns e Eaglesham que será a expansão da família Shazam introduzida durante o trabalho de Johns na era New 52

 

 

DC BLACK LABEL

 

O novo selo da DC Comics que irá trazer histórias mais complexas e provocativas das principais personagens da Casa das Lendas, Superman, Batman e Wonder Woman.

Confirmados pela DC Comics para este novo selo temos Brian Azzarello, Frank Miller,John Romita Jr., Scott Snyder, Greg Rucka, John Ridley e Kelly Sue DeConnick.

 

  • Superman: Year One de Frank Miller e John Romita Jr

SUPERMAN-YEAR-ONE.jpg

 

  • Batman: Last Knight on Earth de Scott Snyder e Greg Capullo

 

  • Batman: Damned de Brian Azzarello e Lee Bermejo

BATMAN-DAMNED.jpg

 

  • Wonder Woman History: The Amazons de Kelly Sue DeConnick e Phil Jimenez

WONDER-WOMAN-HISTORIA.jpg

 

  • Wonder Woman: Diana’s Daughter de Greg Rucka

 

  • The Other History of the DC Universe de John Ridley

OTHER_HIST_DCU_promo_rev1_5a57f64c9e1532.22744260-

 

As datas e formatos de cada issue será decidido pelos criadores dos mesmos.

 

O primeiro issue a ser lançado será Superman: Year One de Frank Miller e sairá em Agosto deste ano. 

 

 

 

 

 

DC UNIVERSE

 

O novo serviço de streaming da DC Comics (com app) que irá contar não só com filmes e séries originais, mas também com um catálogo de filmes e séries já lançados pela DC como clássicos de Superman e Batman (exemplo: a série animada), bem como comics, fóruns e produtos exclusivos para fãs.

Para já estará apenas disponível para os EUA para Android e iOS e chega em Agosto deste ano.

Os valores são de US$8 mensais e US$75 anuais.

 

aHR0cDovL3d3dy5uZXdzYXJhbWEuY29tL2ltYWdlcy9pLzAwMC

 

 

 

IDW PUBLISHING

idw_logo_7230.jpg

 

 

  •  Uma nova série Star Wars mais "dark", Tales From Vader's Castle de Cavan Scott e Derek Charm

 

  • Outras novas séries:

- Teenage Mutant Ninja Turtles: Shredder in Hell de Mateus Santolouco

- Road Of The Dead de George Romero e Jonathan Maberry

 

 

 

MARVEL 

marvel-logo.png

 

 

  • Irá ser lançada uma nova série da Star Wars de 24 issues e a história irá focar-se em 24 heróis e vilões diferentes da saga.

- AGE OF REPUBLIC . Era da prequela 

Jody Hauser

 

- AGE OF RESISTANCE . Era da sequela / Disney

Tom Taylor

 

- AGE OF REBELLION . Trilogia original

Greg Pak

 

  • Regresso de Uncanny X-Men

 

  • Apresentação de X-Men Black, uma mini-série de 5 issues. Cada issue irá focar-se num único inimigo mutante, quatro deles chegaram mesmo a fazer parte dos X-Men.

- Magneto . Chris Claremont / Dallibor Talajic

- Emma Frost . Leah Williams / Chris Bachalo

- Juggernaut . Robbie Thompson /Shawn Crystal

- Mojo . Scott Aukerman / Nick Bradshaw

- Mystique . Seanan McGuire / Marco Failla

 

  • As Spider comics colocaram a Marvel on-fire nas apresentações mas o que mais se destacou foi Spider-Gwen: Ghost Spider. Os fãs despediram-se na última semana de Spider-Gwen mas a Marvel já anunciou o seu regresso agora com outro nome. Seanan McGuire e Rosi Kampe juntam-se a Bengal para seguir o trabalho original dos criadores Jason Latour e Robbi Rodriguez.

aHR0cDovL3d3dy5uZXdzYXJhbWEuY29tL2ltYWdlcy9pLzAwMC

 

 

Espero que tenham gostado desta série de três posts.

 

A Hipster Chique

COMIC CON SAN DIEGO 2018 - FILMES . PART. II

Julho 31, 2018

!!  COMIC CON SAN DIEGO 2018 - SÉRIES . PART. I  !!

 

 

Como ocorreu no ano passado vou outra vez falar da Comic Con San Diego e das novidades mais quentes do mundo da cultura Pop. Vou dividir este assunto em três posts: séries, filmes e comic books. 

Esta é a segunda parte de três sobre o que se falou e foi apresentado na Comic Con San Diego e neste post, muito mais curto do que o das séries, irei apresentar filmes.

 

Temos universo DC, mundo do Harry Potter, Godzilla, Glass, filmes animados e algumas (poucas) novidades.

 

 

Começamos nos filmes...

 

SHAZAM!

IMG_7885.JPG

 

O meu favorito e um novo rumo para a DC e uma aposta da Warner Bros.

Billy Batson é um orfão que passa de casa em casa a quem é dada a oportunidade de se tornar um adulto super-herói cada vez que diz a palavra "Shazam". Com humor, acção e liderado por Zachary Levi (Shazam), o nosso Chuck Bartowski.

 

 

EM 2019!

"Sup, I'm a superhero!"

 

 

 

 

AQUAMAN

IMG_7882.JPG

 

Outra aposta dos estúdios da Warner Bros e DC.

Podemos ver Arthur Curry/Aquaman pela primeira vez no filme Justice League.

O reino de Atlantis precisa de um Rei e Arthur Curry é o herdeiro que todos querem.. talvez nem todos, pois Orm Marius, meio-irmão de Arthur quer o trono para si. Com a ajuda de Mera, Rainha de Atlantis, Arthur irá percorrer uma jornada de herói.

Iremos ver pela primeira vez Black Manta!

 

Nicole Kidman é Atlanna, a mãe de Arthur e Willem Dafoe Nuidis Vulko.

 

 

EM NOVEMBRO 2018!

"Permission to come aboard."

 

 

 

 

FANTASTIC BEASTS: THE CRIMES OF GRINDELWALD

DiuY4sqVQAAurBw.jpg-large.jpeg

 

O segundo filme do franchise Fantastic Beasts já tinha lançado um teaser trailer, mas nesta Comic Con San Diego lançou O trailer com muitas novidades!

Iremos ver um jovem Newt como estudante de Hogwarts tendo Dumbledore, também muito mais jovem (Jude Law), como mentor e professor.

Durante o trailer foi possível ver a Elder Wand, o Mirror de Erised, um duelo entre Grindelwald e Dumbledore e no final do trailer a surpresa... Nicolas Flamel, o famoso alquimista de Harry Potter e a Pedra Filosofal.

 

 

EM NOVEMBRO DE 2018!

"Oh, come on!"

 

 

 

 

GODZILA: KING OF THE MONSTERS

1532360055875.jpeg

 

Confesso que para além do espectacular trailer este é o filme que menos me entusiasmou. 

Pelas mãos de Michael Dougherty, esta é a história que acompanha a agência Monarch na luta contra super monstros considerados mitos, Mothra, Rodan e Ghidorah, todos querem governar a Terra e a humanidade é posta mais uma vez à prova.

Com Kyle Chandler, Vera Farmiga e Millie Bobby Brown nos principais papéis.

 

 

EM MARÇO DE 2019!

"The king has returned!"

 

 

 

 

GLASS

glass-poster-fb.jpg

 

O terceiro filme da trilogia Eastrail 177 (Unbreakable (2000) e Split (2006)), Glass de M. Night Shyamalan foi apresentado na Comic Con San Diego e fez um brilharete. 

Com um elenco de luxo: James McAvoy, Bruce Willis, Samuel L. Jackson este é o trailer do thriller-horror de super-heróis.

 

 

EM 2019!

"Epic!"

 

 

 

DC Filmes Animados 2019...

 

Foram anunciados os seguintes filmes animados da DC para 2019:

 

  • Batman Hush
  • Justice League vs The Fatal Five
  • Wonder Woman: Bloodlines

 

 

 

NOVIDADES:

 

  • Chris Pratt falou numa possível aparição de Star Lord no Lego Movie 2, espero que seja para fazer uma dupla imparável com Emmet;
  • Foram apresentadas imagens exclusivas do novo filme "Venom" para a audiência do painel e Tom Hardy até chegou a referir que seria de bom grado que se juntaria Tom Holland (Spider-Man) num futuro cinematográfico.

 

 

Próximo post: COMIC BOOKS

 

 

A Hipster Chique

COMIC CON SAN DIEGO 2018 - SÉRIES . PART. I

Julho 30, 2018

Como ocorreu no ano passado vou outra vez falar da Comic Con San Diego e das novidades mais quentes do mundo da cultura Pop. 

Vou dividir este assunto em três posts: séries, filmes e comic books. Penso que aqui já deixei transparecer o meu favoritismo pela DC Comics mas vou tentar percorrer um pouco de tudo e apresentar as novidades, os trailers, os teasers e algumas fotos. 

 

Neste post irei falar das séries (bem como apresentar os trailers): Supergirl, Arrow, Legends Of Tomorrow, The Flash, Black Lightning, Gotham, Krypton e Titans.

Vou também apresentar os trailers das novas temporadas de Riverdale, Legacies, Young Justice: Outsiders, Supernatural, The Gifted, Iron Fist, Star Trek: Discover e Nightflyers.

E... falar de outras novidades.

Tudo por esta ordem.

 

E começamos pelas séries da DC/The CW...

 

 

SUPERGIRL

IMG_7903.JPG

 

Após o que para mim foi uma das piores temporadas com um dos piores finais de todo o grupo das séries da DC/CW confesso que não estava com muita esperança relativamente às novidades que poderiam trazer.

 

Terceira temporada:

No final da terceira temporada levamos com a despedida de Mon-El/Valor, uma decisão que até hoje não me entra na cabeça e ficamos a saber que Winn irá voltar com papel recorrente nesta quarta temporada... enfim.

Um dos pontos altos, e único a meu ver, é o aparecimento da Red Daughter após o contacto de Kara Zor-El com Harun-El o que dá a ideia de que os produtores/escritores se irão focar nessa storyline inspirada pelo Red Son que nos conta uma história alternativa da origem do Superman.

 

Quarta temporada:

Com vários painéis, entrevistas e novo trailer é possível reunir uma ideia do que se irá passar na nova temporada, bem como as caras novas que se irão apresentar neste Outono:

  • Foi apresentada a primeira super-heroína transgénero numa série de TV, a legionária Dreamer/Nia Nal interpretada por Nicole Maines, que inicialmente será introduzida como uma repórter da CatCo acrescentando assim o número de legionários apresentados nesta série (Valor, Brainiac 5, Saturn Girl);
  • Brainiac 5 será personagem regular nesta nova temporada, interpretada por Jesse Rath;

  • Novas caras: April Parker Jones como Colonel Haley e David Ajala como Manchester Black;
  • No trailer podemos ver Alex Danvers como directora do DEO, Agent Liberty/Benjamin Lockwood (interpretado por Sam Witwer) bem como uma personagem mistério que se apresenta com um super fato com o símbolo da Casa de El o que gostava que fosse Lena (como o seu irmão, Lex, fez nas comics);
  • Mercy Graves será uma das novas vilãs da quarta temporada, interpretada por Rhona Mitra. Mercy é uma ex-segurança de Lex Luthor e após a prisão do mesmo e da sua mãe Lilian Luthor decide começar a trabalhar sozinha com o propósito de erradicar os aliens que habitam o planeta Terra e Supergirl está nesse grupo;
  • Nada foi demonstrado no trailer sobre a possível storyline de Red Daughter.

 

TRAILER

 

 

 

 

ARROW

IMG_7888.JPG

 

Um final razoável e previsível mas com cenas de acção que valem bem a pena.

 

Sexta temporada:

Oliver Queen acaba preso após ter feito um acordo com uma agente do FBI para ajudar na captura de Diaz que mesmo assim consegue escapar da morte/prisão certa.

Temos uma team Arrow mais unida após a batalha final e a surpreendente revelação de que Oliver é o Green Arrow ao público o que faz dessa união algo importante e necessário.

 

Sétima temporada:

Com vários painéis, entrevistas e novo trailer é possível reunir uma ideia do que se irá passar na nova temporada, bem como as caras novas que se irão apresentar neste Outono:

  • Um novo e misterioso vigilante vestido de Green Arrow dá à costa e eu penso que será Roy Harper que veste o manto verde já que o actor que o interpreta, Colton Haynes, foi apresentado como regular desta sétima temporada;
  • A storyline de Diaz parece não ter tido mesmo fim e penso que está na hora de lhe dizer adeus;
  • Felicity Smoak é agora vista no papel de mãe e protectora de William, um lado que tenho uma certa curiosidade em ver;
  • Por último, uma boa parte do trailer foi sobre a prisão de Oliver Queen e como será a sua vida atrás das grades e com a violência demonstrada penso que o Barry Allen teve sorte com a sua experiência.

 

TRAILER

 

 

 

 

LEGENDS OF TOMORROW

IMG_7891.JPG

 

Começa já pelo facto dos posters das outras séries mostrarem o protagonista numa pose heróica e depois temos Legends...

Captura de ecrã 2018-07-27, às 08.58.19.png

 

Este para quem não sabe é Beebo, o Deus da Guerra e protagonista de uma das mais fantásticas e absurdas cenas de acção que alguma vez vi na vida o que faz da final de Legends a melhor de todas!

E AQUI ESTÁ ELA!

 

Não tenho muito a dizer de Legends pois não foi das que trouxe mais novidades, porém aqui está um pouco do que iremos ver nesta quarta temporada:

  • Juntando a fantasia à ficção científica podemos contar com magia, dragões e até unicórnios;
  • Constantine (Matt Ryan) irá juntar-se às lendas que após a sua luta contra Mallus libertaram espíritos malignos que precisam de ser contidos;
  • Ramona Young é um das novas caras a juntar-se ao elenco como Alaska Yu, uma rapariga que vive no mundo da lua e dos livros e que vai precisar de toda a coragem para trazer ao de cima a super-heroína que nela há;
  • O pai de Nate será uma personagem recorrente protagonizado por Tom Wilson, um militar de longa a quem o Nate não quer revelar a sua verdadeira identidade como uma lenda;
  • Gary é uma lenda-interno! Apenas isto!! Gary!! O actor Adam Tsekhman, que faz de Gary, apareceu vestido de Beebo a meio do painel e foi recebido como um dos favoritos do público.

 

TRAILER

 

 

 

 

THE FLASH

IMG_7892.JPG

 

Uma das minhas séries preferidas e que teve uma quarta temporada "arrastada"... Vilão a meu ver, desinteressante, a história foi arrastada até ao último minuto e deu-me sono em vários episódios.

 

Quarta temporada:

Começaram muito bem com o cross-over "Welcome to Earth-X", depois foi descendo a qualidade com a prisão de Barry Allen, demasiadas confianças da Iris com o "We are the Flash" (Cringe!!), Elongated Man/Ralph Dibny foi uma das melhores coisas da temporada toda e acabamos com a confirmação de que a jovem que veio aparecendo ao longo da temporada é mesmo a filha de Barry e Iris, Nora West-Allen que veio de futuro e ficou presa no tempo presente.

Nada de especial... mas a quinta temporada parece prometer!

 

Quinta temporada:

Com vários painéis, entrevistas e novo trailer é possível reunir uma ideia do que se irá passar na nova temporada, bem como as caras novas que se irão apresentar neste Outono:

  • Nora West-Allen (Jessica Parker Kennedy) vem com segredos, mistérios, um nome secreto, XS, dado pelo seu pai no futuro e o famoso The Flash Ring, tornando-se numa personagem regular nesta temporada;
  • Outra das caras que veio para ficar é Ralph Dibny/Elongated Man (Hartley Sawyer) o que é uma das novidades que mais contente me deixou;
  • Vamos ver um pouco mais da dinâmica de Barry com Iris e quem sabe iremos voltar a ver uma Iris repórter;
  • Uma versão mais jovem dos Rogues irá entrar em acção e fisgas para que haja dinheiro para o CGI pois os produtores querem trazer King Shark e Gorila Grodd como uma dupla na segunda metade da temporada;
  • Foi anunciado que irá haver várias mortes nesta temporada e nesse grupo poderão estar uma ou duas personagens principais;
  • O vilão principal, Cicada, foi apresentado no trailer e estará tudo nas mãos de Chris Klein. Cicada é um homem a quem lhe foi retirada a família e a culpa é dos metahumanos. O seu propósito será acabar com esta espécie, um de cada vez. Nas comics, Cicada é líder de um culto mas os produtores/escritores decidiram ir noutra direcção trazendo na mesma difíceis desafios para a Team Flash.

 

TRAILER

 

 

 

 

BLACK LIGHTNING

IMG_7894.JPG

 

Com uma temporada de vida ainda é cedo para determinar o que penso da série. Contudo, conquistou-me.

Em painéis, entrevistas e trailer não foram dadas muitas indicações ou novidades do que aí vem mas isto foi o que retirei:

  • Jordan Calloway passou para regular e a sua personagem Khalil/Painkiller que Tobias Whale tornou como um dos seus soldados, será importante para a próxima temporada e a sua relação com Jennifer será aprofundada;
  • Foi discutido o facto da série ser um exemplo de inclusão e diversidade o que teve um efeito positivo na audiência;
  • Tobias Whale irá continuar com a sua missão malvada que irá afectar Freeland a vários níveis.

 

TRAILER

 

 

 

 

GOTHAM

 

Este ano Gotham não teve grande divulgação na Comic Con San Diego, nem painel, o que chega a ser estranho pois foi renovada para a sua quinta e última temporada apesar de ter tido uma quarta fraca a nível da audiência. 

O que se sabe até agora é:

 

  • Foi dada a confirmação de que a prequela de Batman só irá voltar em 2019 e Camren Bicondova (Catwoman/Selina Kyle) revelou num livestream do Instagram que a quinta temporada irá ter apenas 10 episódios;
  • Iremos ter novos vilões como Scarface, o Ventriloquista e Lady Shiva;
  • Vamos poder encontrar elementos de "No Man's Land" e também um pouco de "Zero Year";
  • E após muitos pedidos tanto do actor como dos fãs, Jim (Ben McKenzie) terá um bigode!

 

 

 

Agora passamos para a DC/Syfy com Krypton...

 

 

KRYPTON

IMG_7895.JPG

 

Passou a ser uma das minhas favoritas e fala sobre as origens de Krypton pelos olhos de Seg-El, avô de Kal-El/Superman.

Na sua primeira temporada ficamos a conhecer um pouco mais de Kandor e da forma como é liderada, as suas principais casas/famílias (El, Vex, Zod, Em), Brainiac, a Phantom Zone, é introduzida a Fortaleza da Solidão, é-nos apresentado Doomsday e até o General Zod que veio do futuro para conquistar o que é seu de direito.

 

Tivemos direito a um "Kneel Before Zod" no fim da primeira temporada com o General Zod na liderança de Kandor, o desaparecimento de Seg-El e Brainiac para a Phantom Zone e improváveis aliados em dois lados de uma futura guerra civil contra o poder corrupto de Zod que tem o conhecimento do futuro na sua mente.

 

Novidades:

  • Na segunda temporada iremos ver a origem de Nightwing e Flamebird;
  • A personagem Lobo fará parte do elenco!
  • Iremos visitar Colu, planeta casa de Brainiac.

 

 

 

E agora, conteúdo da DC Universe...

 

 

TITANS

IMG_7712.JPG

 

Uma das primeiras apostas de conteúdo original do novo serviço de streaming da DC, DC Universe.

Com um dos melhores trailers que foi apresentado na Comic Con San Diego, traz um elenco de luxo:

  • Brenton Thwaites . Robin (Dick Grayson)
  • Anna Diop . Starfire
  • Ryan Potter . Beast Boy
  • Teagan Croft . Raven
  • Minka Kelly . Dove
  • Alan Ritchson . Hawk

 

A acção irá ter lugar numa altura em que os titãs estão um pouco perdidos no mundo a tentar encontrar o seu lugar acabando por se reunir nesta segunda família.

"FUCK BATMAN" foi a expressão mais polémica do segundo dia da convenção, dita por Robin numa cena violenta onde posteriormente foi explicada que toda essa raiva se deve ao facto de a acção se estar a passar após a separação do mesmo de Batman.

Uma história sombria e rodeada de violência de treze episódios.

Mais informações sobre a DC Universe no terceiro post sobre a Comic Con San Diego!

 

TRAILER

 

 

 

 

OUTROS TRAILERS

 

 

  • LEGACIES (o tão esperado spin-off de The Vampire Diaries e Originals)

 

 

 

 

 

 

  • NIGHTFLYERS (do criador de Game Of Thrones, George R. R. Martin, um thriller espacial da Netflix)

 

 

 

OUTRAS NOVIDADES NAS SÉRIES

 

  • Agents Of Shield voltam no Verão de 2019 após os acontecimentos de Avengers 4, com Jeff Ward como personagem regular;

 

  • Foi apresentado o reboot de Buffy, a Caçadora de Vampiros que irá contar com uma protagonista de cor negra e com Joss Whedon por detrás do projecto;

 

  • Cloak and Dagger foi renovada para uma segunda temporada;

 

  • A lua de mel de Sheldon e Amy será um dos temas da próxima temporada d'A Teoria do Big Bang;

 

  • Doctor Who Series 11 terá um especial de Natal . TRAILER;

 

  • Andrew Lincoln (Rick Grimes) confirmou que a nona temporada de The Walking Dead será a sua última;

 

  • Stranger Things tem um novo teaser com a apresentação de uma nova personagem e um novo local, o centro comercial (TEASER TRAILER).

 

Próximo post: FILMES

 

 

A Hipster Chique

UMA FORMA DE PROCRASTINAÇÃO

Fevereiro 19, 2018

Penso que isto é algo que nunca vos disse, mas eu tenho várias formas de "aquecimento" para o trabalho de escrita ou relaxamento entre trabalhos, que é o desenho.

Adoro desenhar com lápis e canetas de tinta da china e normalmente vou à net ou a uma comic e tento desenhar o melhor que posso a olho. Ultimamente tenho desenhado bastante e é algo que me faz mesmo muito bem porque normalmente uso a mão esquerda para desenhar e a direita (mão lesionada) sempre descansa um pouco.

Decidi então fazer aqui um post onde vos mostro os meus desenhos...

 

 

28308662_1554583841326117_1940420884_n.jpg

 

28175746_1554583897992778_941013355_n.jpg

 

28176468_1554584107992757_1002078681_n.jpg

 

28233594_1554584087992759_107543069_n.jpg

 

28236231_1554583967992771_305904253_n.jpg

 

28236362_1554583747992793_1200253187_n.jpg

 

28308574_1554584054659429_761258029_n.jpg

 

28309026_1554584014659433_1399156428_n.jpg

 

A Hipster Chique

ANDO A LER

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D