Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Hipster Chique

humor . coisas . nerd . fluente em klingon . criativa - ish . comics . opinião

A Hipster Chique

humor . coisas . nerd . fluente em klingon . criativa - ish . comics . opinião

30
Mai18

EU - TA - NÁ - SI - A

A Hipster Chique

eu - ta - ná - si - a

(grego euthanasía, -as, morte fácil, morte feliz)

1. Morte sem dor nem sofrimento. 

2. Direito a uma morte sem dor nem sofrimento para doentes incuráveis, praticada com o seu consentimento, deforma digna e medicamente assistida.

3. Acção que põe em prática esse direito.

 

 

Cada um tem a sua opinião e não estou aqui para contrariar opiniões ou iniciar discussão. Este post é apenas para clarificar CERTAS e DETERMINADAS pessoas que demonstraram a sua "opinião" ou marcaram presença na manifestação contra a eutanásia:

 

  • Cartazes com "Não matem os velhinhos", querida ninguém quer matar os velhinhos. Isto não se trata de uma teoria da conspiração para colocar velhinhos em câmaras de gás para prevenir o envelhecimento da população. Minha gente, não...

 

  • Ou afirmações como "Eu quero viver", que bom para ti. Todos temos direito à vida e assim como diz no ponto 2 do significado da palavra, a eutanásia é praticada com o consentimento...

 

  • E no seguimento, "Eu quero sentir-me segura quando vou a um hospital", isto vindo de uma jovem que sabe tanto do assunto como uma galinha, sem ofensa às galinhas. Na mente desta criatura assim que ela acorda de manhã com sintomas de gripe e pensa em ir ao hospital é sinónimo de pesadelo, porque ela vai mas não sabe se sai. Mais depressa deve sentir medo de ir ao hospital pela quantidade de bactérias no ar...

 

  • "Vou ali ao hospital e saio de lá eutanasiado"... ok...

 

 

Ninguém decide recorrer à eutanásia só porque sim! Ninguém obriga ninguém a recorrer à eutanásia! Tem de existir consentimento, aprovação, consultas, ninguém chega a um hospital e diz "Quero recorrer à eutanásia" e imediatamente é colocado a "dormir" como se tivesse sido atingido por um dardo com cianeto. 

Informem-se antes de passarem por ignorantes em praça pública.

 

A Hipster Chique

 

 
 

 

10
Mai17

#dia 116 - Illuminate World Tour . Shawn Mendes / James TW

A Hipster Chique

Esta noite fui ao concerto do luso-canadiano Shawn Mendes, com abertura do britânico James TW. Antes que pensem que isto foi apenas mais um concerto de adolescentes histéricas e um cantor que está a fazer apenas mais um concerto, sem nada de especial, bem... metade está certo.

Houve gritos, choros, pais a rezar pela hora do fim e uma família do cantor principal a ser esmagada por uma plateia de ser-vivos perigosos e movidos a hormonas e estupidez.

Contudo, a parte da música e da performance de ambos os cantores foi de facto muito boa. Ia sem grandes expectativas, porque os cantores para além de talentosos, são jovens e isso poderia fazer com que o espectáculo combinasse com o histerismo, o que não aconteceu de todo. 

Conhecia o trabalho de ambos os cantores e fiquei admirada do principio ao fim.

 

O cantor britânico de 19 anos, James TW abriu o concerto e foi apenas um jovem, vestido da forma mais casual possível de guitarra na mão, loop no pé e um pequeno logótipo no fundo com o seu nome. Uma luz fixou-se sobre ele e lá começou.

Uma meia dúzia de músicas acompanhado por um loop, guitarra e/ou piano. Simples.

Dois covers, algumas músicas originais e lá se passou meia hora, muito bem passada. Música boa e divertida. O público por vezes lá se lembrava de exprimir hormonas descontroladas, mas nada que um tapar de ouvidos não aguentasse. 

Lá para último, veio um pequeno espectáculo de luzes de telemóvel que iluminou literalmente todo o MEO Arena.

 

James TW - Portuguese audience . Lights

 

Foi a vez do Shawn Mendes, o cantor luso-canadiano e estrela principal do concerto actuar. O começo um pouco mais trabalhado, alguma ajuda visual, mas continuando tudo muito simples. Lá entrou em palco e outro visual casual e uma guitarra na mão e assim foi.

Trocava de guitarra em algumas músicas, foi para um palco improvisado no centro da arena tocar piano, um momento muito bonito.

Os efeitos visuais durante esta actuação deixaram-me de queixo caído, pela simplicidade, mas por toda a estética. As imagens lindíssimas que passavam com efeito e a bola gigante, no meio da arena que combinava planetas com cores e luzes ao ritmo da música. Fantástico!

Penso que houve pouca interação com o público porque também cada vez que o rapaz dizia algo, era tudo a gritar de uma forma não humana, não natural. Mas de resto, foi muito bom. 

Para final de concerto, a última música tocada ao piano e depois guitarra, acompanhado pela bandeira nacional portuguesa como capa.

 

 

Vi pessoas de todas as idades a vibrar de forma diferente a este concerto e só posso dizer que gostei muito. Sem dúvida que repetia. Sou uma pessoa que ouve literalmente de tudo e sei dar valor a todos os cantores e bandas e penso que estes dois, esta noite, mostraram um grande valor e talento. Não fosse o cantor principal metade português!

IMG_2149.jpg

IMG_2095.jpgIMG_2132.jpg

IMG_2139.jpg

 

A Hipster Chique

A criatura que escreve

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

EU ESCREVI ISTO... COMPRA!

Comentários recentes

  • A rapariga do autocarro

    Como o meu marido adora este mundo, tenho a casa c...

  • Sofia

    És tão crominha! O X-man é animação ou série?

  • cheia

    Mais do que uma enciclopédia!

  • C.S.

    "não tenho muita paciência para a série"... Como t...

  • mami

    sinto que se conhece mt ais das pessoas com palavr...

Links

  •  
  • Arquivo

      1. 2018
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2017
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D