Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Hipster Chique

As trivialidades de uma geek, talvez um pouco hipster, com algum sentido de humor e criatividade q.b..

A Hipster Chique

As trivialidades de uma geek, talvez um pouco hipster, com algum sentido de humor e criatividade q.b..

11.Set.17

#dia 240 - Profissões que estou destinada a falhar

Estamos todos destinados a algo na vida, seja a nível amoroso, emocional ou profissional. Hoje falo do lado profissional!

Até chegar ao nosso destino podemos passar por muitas profissões e até podemos desejar outras, a questão é, no meu caso por exemplo, nem todas as profissões se encaixariam no meu perfil e sem dúvida que estariam destinadas ao falhanço.

Algumas delas são...

 

 

  • Stripper

A minha falta de elasticidade e coordenação dariam resultado a um traumatismo craniano ou acabaria os meus dias paralítica. Por outro lado não vejo porque seria de alguma maneira desejável ao olho humano, mesmo assim até teria um nome de stripper para mim, Rosana Cometacos. Rosana porque era para ser esse o meu nome quando nasci e Cometacos porque a minha mente não funciona como devia e lá vem destes nomes fantásticos.

 

 

  • Professora

Professora Raquel é algo que nunca irei ter no meu currículo porque a minha falta de preocupação por crianças alheias ou com o seu bem-estar não serve para o cargo.

Falta de paciência poderia ser outro entrave e ir para a prisão porque enfiei um apagador no umbigo de um aluno armado aos cucos seria o motivo menos importante.

 

 

  • Taxista

Eu já fiz aqui um post sobre os taxistas e como "ADORO" tudo o que fazem na sua maravilhosa profissão, mas se eu fosse uma taxista em Lisboa, o cliente mandava-me ir para a Praça de Espanha e acabava na Torre dos Clérigos. E aqueles clientes que adoram falar eram enviados para fora do táxi em movimento.

 

 

  • Carreira culinária

Seja como chef, cozinheira de 2ª, ajudante de cozinha ou até crítica de culinária estariam fora daquilo que eu poderia fazer. Porquê? Duas palavras: Cozinha Queimada. Ou então o meu medo irracional de espirrar e mandar arroz pelo nariz.

 

 

  • Cantora

Já me ouviram a cantar? Não. Então é sinal que Deus tem piedade da vossa alma e que estão protegidos pelo Santo Benedito e todas as almas do calvário de lesões auditivas severas. E penso que por aqui fico...

 

 

  • Montagens

Eu morria por baixo de uma prateleira do IKEA. Tenho sorte porque tive alguém para me "ajudar" a montar os móveis da casa nova, senão estaria a dormir num colchão insuflável ou demoraria 2 meses a montar uma estante.

 

 

  • Cirurgiã

Se quiserem acabar com um pulmão no sítio do coração, um pé esquerdo na perna direita ou serem sujeitos a uma lobotomia em vez de uma apendicectomia, venham a mim.

Nada me deixa mais feliz do que uma profissão onde cortar alguém é legal, mas eu arranjava forma rápida de a fazer ilegal.

 

 

  • Soldado

Simples, disparava a arma contra mim mesma na primeira utilização. E eu baralho a esquerda com a direita, odeio camuflado e a cor verde e acordar-me com muito barulho parece perigo suficiente.

 

 

  • Coveiro

Eu falo sozinha, mais do que devia e falar com mortos iria virar o meu passatempo favorito, o que me iria levar ao Magalhães Lemos... outra vez!

Contudo seriam óptimas companhias. Podia era correr o risco de me apegar e depois não os querer enterrar o que seria desconcertante.

 

 

  • Psiquiatra

Tratar pessoas mais sãs que eu? Divertido.

Ter acesso a medicação? Super divertido.

Ficar sentada a ouvir os problemas dos outros? Uma experiência sonolenta.

Poder tratar-me a mim mesma? POUPANÇA, minha gente! Poupança é a palavra de ordem!

 

 

Deveria colocar esta lista como carta de recomendação quando estiver à procura de emprego. Algo me diz que arranjo logo.

E vocês, em que profissões estariam destinados a falhar?

 

A Hipster Chique